Institucional
 
O Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de São Paulo, legalmente reconhecido pelo então Departamento Nacional do Trabalho, pelo processo número 26.345/40, e registrado no livro n. 2, às fls 90, inscrito no CGC/MF sob número 62.648.209/0001-13, com sede e foro em São Paulo, Capital, no Largo do Arouche número 290, cep 01219. O SHRBS - SP é uma sociedade sem fins lucrativos, com SEDE E FORO na Capital de São Paulo, e foi constituído para fins de estudo, coordenação, proteção e representação legal da categoria econômica de hotéis, restaurantes, bares, pensões, hospedarias, churrascarias, cantinas, lanchonetes, pizzarias, cafés, confeitarias, leiterias, sorveterias, salsicharias, cervejarias, buffe’s motéis, apart-hotéis, drives e similares.

A vigente Constituição Brasileira, de 05 de outubro de 1988, em seu artigo 8º, confirmando os principais já constantes da Consolidação das Leis do Trabalho C. L. T. - desde 1943, consagra o sindicato como legítimo representante da categoria econômica e profissional a que se refere, conferindo-lhe a prerrogativa de defender os seus direitos e interesses.

Ao mesmo tempo, Carta Magna acolheu o princípio da unidade sindical, ou seja, a impossibilidade da coexistência, na mesma área, de 02 ou mais sindicatos para a mesma categoria.

O Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de São Paulo, com carta sindical há mais de 5 decênios, é, assim, o único e legítimo representante da categoria, que abrange todos estabelecimentos de hospedagem, de alimentação preparada e de venda de bebidas a varejo que se localizem no município da capital e nos demais municípios da Grande São Paulo, exceção feita ao ABC.

À margem da lei, e a pretexto de utilização da "liberdade sindical" proclamada pela Lei Magna da Nação, surgem entidades fantasmas, pretensos "sindicatos" que, assim, nada representam mas que tumultuam a vida sindical, estabelecendo contribuições abusivas e pretendendo torna-las obrigatórias e exigíveis.

É de elementar cautela, portanto, que os empresários sejam devidamente orientados pelos contabilistas que lhes prestam serviços. Em caso de dúvida, recorram ao seu Sindicato - que tem o dever de atendê-los, para que sejam esclarecidos, não paguem mal e não colaborem para manutenção de empreendimentos duvidosos, que não significam o verdadeiro sindicalismo.

A base territorial do SINHORES - SP compreende os municípios de São Paulo, Poá, Embu, Cotia, Osasco, Atibaia, Cajamar, Jandira, Barueri, Guarulhos, Juquitiba, Mairiporã, Braz Cubas, Embu Guaçu, Carapicuíba, Franco da Rocha, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Nazaré Paulista, Taboão da Serra, Francisco Morato, Itapecirica da Serra, Santana de Parnaíba, Bom Jesus dos Perdões, Ferraz de Vasconcelos, Biritiba Mirim, Cabreuva, Caieras, Itapevi, Jordanésia, Pirapora do Bom Jesus, Salesópolis e Suzano.

 

SINHORES-SP
 
Parceiros:

     

Mapa do Site | Contato
Melhor visualizado em1024x768
Copyright 2000/2008 SINHORES-SP Ltda. Site desenvolvido por Departamento de informática do SINHORES-SP